Postado por
Maxton Logística

A Revista LogWEB fez uma extensa matéria sobre o papel das mulheres na logística nacional e dentre as diversas profissionais mulheres entrevistadas, duas colaboradoras da Maxton Logística, confiram:

Persistência e foco

A s mulheres vêm conquistando cada vez mais espaço no setor logístico, apesar de a quantidade ser ainda bem inferior à dos homens. No Brasil, são 182.376 habilitadas para dirigir caminhões, de acordo com o Denatran – Departamento Nacional de Trânsito, o que corresponde a 6,5% do total de motoristas de caminhão.

Para valorizar aquelas que trabalham no setor de transporte rodoviário de cargas, o SETCESP – Sindicato das Empresas de Transportes de Carga de São Paulo e Região criou o projeto Vez & Voz – Mulheres no TRC. Segundo a iniciativa, elas começaram a atuar efetivamente no TRC a partir da metade dos anos 90 em funções administrativas. Atualmente, trabalham inclusive nas áreas operacionais, conferindo carga e dirigindo caminhões por longas estradas.

O projeto completou um ano e já conquistou parceiros, como a Fetces – Federação das Empresas de Transporte de Cargas do Estado de S. Paulo e a NTC&Logística. “A partir de agora, já com alguns parceiros ao nosso lado, nos dando suporte e apoio, podemos sentar juntos e começar a construir ações mais palpáveis. Temos muito trabalho e muitas ideias para implantar, mas a vontade de fazer a diferença no setor é muito grande e nos move em um único sentido, para frente. E é nesta rota que juntos vamos seguir”, destaca Ana Jarrouge, presidente executiva do SETCESP.

Para esta matéria, entrevistamos mulheres que executam cargos operacionais dentro do TRC, como motoristas de caminhão, abrindo espaço, também, para assistentes, supervisoras, conferentes, gerentes, líderes de setor, operadoras de empilhadeiras e até de portêiner, que contribuem – e muito – para o bom andamento de toda a cadeia logística.

Prepare-se para entrar no mundo da logística através da história de vida e da experiência daquelas que venceram muitos desafios para atuar neste setor predominantemente masculino. Afinal, lugar de mulher é onde ela quiser.

 

Há 9 anos, Andressa Cardoso de Oliveira começou a trabalhar em uma empresa de refrigeração, onde atuou no almoxarifado e foi conferente. Trabalhou também em uma rede de supermercados, conferindo a validade dos produtos. “Então retornei para a indústria, onde conheci a logística interna, realizando o abastecimento na borda de linha. Atualmente, sou auxiliar de logística na Maxton, realizando armazenagem dos itens e também o picking na separação dos pedidos.” Andressa, que tem 32 anos, gosta de não ter rotina na profissão e lidar com a grande diversidade de
estoques/materiais recebendo, armazenando e separando pedidos.

“O que me incomoda é quando temos o processo de armazenagem errado, com posições invertidas e trocadas, isso dificulta o processo de picking, gerando gargalo na operação”, conta. Para o futuro, pretende continuar adquirindo conhecimento e crescer na carreira dentro da logística. Para quem quer ingressar no mercado, ela dá o recado: diante de um mundo cada vez mais globalizado, com o advento do e-commerce, não faltarão oportunidades para profissionais da logística.

 

 

 

A conferente da Maxton Logística Francieli Ganassini, de 40 anos, adora o dinamismo que esta área proporciona, permitindo participação em todo o fluxo de materiais, desde a chegada no armazém até a expedição para os clientes finais. “Isso me chama a atenção e desperta o interesse profissional.” Francieli tem 40 anos e trabalha há 11 na área. Ela iniciou como auxiliar de produção e aos poucos foi se interessando pelo setor de logística. “Recebi uma proposta para trabalhar como conferente e foi aí que me identifiquei com essa função.”

O que a incomoda é quando não existe por parte de outros setores o devido cuidado e respeito aos processos logísticos. Para ela, é preciso investir em treinamentos e fazer com que todos conheçam e entendam a importância da cadeia logística.

No futuro, Francieli espera buscar mais conhecimento na área e estar sempre preparada para as constantes evoluções do setor. “Às que querem ingressar na profissão, que estejam preparadas para as oportunidades e que tenham dedicação e comprometimento.”

 

 

Confira todo conteúdo desta matéria em: Revista LogWEB

 

 

A MAXTON Logística agrega o conhecimento de profissionais com mais de 30 anos de experiência no mercado adquiridos em grandes organizações. Com um corpo gerencial e equipe experiente e atuante, a MAXTON Logística pode assegurar o completo domínio sobre todos os pontos da cadeia logística com os aspectos e conceito geral do Supply Chain Managment, garantindo assistência integral a seus clientes.

Hoje a informação deve chegar muito antes que a mercadoria, entendendo este conceito a MAXTON Logística investe fortemente em ferramentas TMS e WMS, possibilitando consultas On-line de embarques e mercadorias armazenadas.

Para quem não pode parar a MAXTON Logística é o sistema de gestão ideal e com diferenciais na “SOLUÇÃO PARA A SUA OPERAÇÃO”, com foco na qualidade, desempenho e otimização dos recursos sempre buscando a eficiência e eficácia.

Conheça Nossa Estrutura

Tags:
armazenagem, armazenagem em curitiba, armazenagem logistica, armazenagem de cargas, distribuição de cargas, distribuição de produtos, picking, logistica, logistica em curitiba, transporte internacional de cargas, importação de cargas, exportação de cargas, carga internacional, encomenda internacional, frete internacional, porto de santos, porto de itajaí, porto de são francisco, montagem de kits, embalagens especiais, desembaraço de cargas, despachante aduaneiro, maxton , maxton logistica, internet das coisas, porta pallete

#armazenagem #armazenagememcuritiba #armazenagemlogistica #armazenagemdecargas #distribuiçaodecargas #distribuiçaodeprodutos #picking #logistica #logisticaemcuritiba #transporteinternacionaldecargas #importaçaodecargas #exportaçaodecargas #cargainternacional #encomendainternacional #freteinternacional #estufagem