Bens perecíveis e sua logística

Posted by
Logística

Fazer uma boa gestão de estoques é um grande desafio para muitos gestores, mas quando o assunto envolve a logística de bens perecíveis, o assunto se torna ainda mais delicado.

Como os produtos devem ser comprados e fornecidos dentro dos seus prazos, o gestor deve se preocupar com alguns detalhes a mais!
Como gerir esses produtos da melhor maneira?
O que fazer para diminuir os gastos com armazenagem e transporte?

Esse é um tema extremamente importante para quem pretende manter um negócio estável e em crescimento, e por isso falaremos sobre ele hoje. Quer entender como fazer essa logística da melhor maneira? Então acompanhe!

A importância do cuidado com a logística de bens perecíveis
Quem trabalha com materiais que podem se perder com o desgaste do tempo, sabe que todo cuidado é pouco: todas as etapas, desde o fornecimento pelos parceiros até a venda para clientes devem ser acompanhadas minuciosamente, pois qualquer erro pode gerar danos — muitas vezes irreversíveis — para a empresa. Manter uma gestão voltada para esse tipo de produto, reduz a perda dos bens e garante que o gestor mantenha parcerias que façam o manuseio e a acomodação da melhor maneira.

Práticas boas para fazer essa tarefa
Cada tipo de produto pode requerer cuidados específicos, mas como todos compartilham da mesma característica de se perderem com o tempo, existem algumas práticas que podem te guiar ao montar a melhor logística.

Transporte
Essa é a fase mais vulnerável de todo sistema logístico. Procure por parceiros que possam conciliar as restrições e condições de preservação dos tipos de produtos do seu negócio.

Lembre-se que a qualidade deles depende também da maneira como eles são levados de um ponto a outro, então preocupe-se em manter a integridade dos produtos, levando em conta fatores como temperatura, delicadeza dos bens, modais de transporte, entre outros.

Estipule quais as limitações existem para fazer o transporte e procure por aqueles que possam atender às necessidades da sua empresa sem comprometer seus materiais.

Armazenamento e estoque
O maior erro entre os gestores atuais, é o mal planejamento do ambiente onde será feita a acomodação e armazenamento. Preocupe-se sempre com o tempo em que eles ficam estocados, já que o tempo pode ser inimigo do seu lucro. Existem algumas ferramentas de gestão de estoque famosas, como o controle ABC, que permite identificar o nível de rotatividade dos produtos em relação ao interesse de seus clientes, para fazer uma divisão mais estratégica nessa fase.

Outra prática comum, é a estratégia FIFO — first in, first out — que traz uma ideia de que os primeiros produtos a entrarem no seu negócio, devem ser os primeiros a saírem. Para isso, seu armazenamento deve ser divido com as especificidades de casa caso, então priorize organizá-los por datas, rotação, custos, tipos de bens. Dessa forma, eles ficarão mais acessíveis e o controle fica muito mais simples.

Preservação
A preservação anda junto com a armazenagem, sendo responsável por garantir um ambiente adequado para estocá-los de maneira estratégica, evitando influências externas.

Elas podem ser divididas de duas maneiras:

  • biológicas e químicas: contaminação, umidade, ventilação, prazo, temperatura;
  • físicas: acondicionamento, embalagem, manuseio, vibração.

Uma boa logística está preocupada em desenvolver formas de preservação, seja garantindo uma circulação de ar adequada, mantendo a temperatura ideal e até manuseando os produtos corretamente. Dessa forma, você pode garantir a qualidade dos seus materiais perecíveis, respeitando não só o prazo de utilização, mas a integridade deles até consumar as vendas.

E então, gostou de aprender sobre as etapas de uma logística de bens perecíveis e como ela pode ser benéfica para o seu negócio? Aproveite para assinar nossa newsletter e receber no seu e-mail outros artigos que podem te ajudar no ramo empreendedor!

Fonte: ARM

Loading…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *