Postado por
Logística

Definição: A logística é a área da gestão de uma empresa, cujas atividades são voltadas para planejar o armazenamento,  a circulação (terrestre, marítima e aérea) e a distribuição de produtos até o cliente final.

Um dos principais objetivos da logística é conseguir a criação de mecanismos para entregar os produtos ao seu destino final o mais rápido possível, o que reduz os custos. Para isso, os especialistas em logística estudam as rotas de entrega, os meios de transporte, os melhores locais de armazenagem (armazéns), entre outros fatores que afetam a área.

Importância da Logística se deu com o desenvolvimento do capitalismo global, especialmente após a Revolução Industrial, a logística tornou-se cada vez mais importante para as empresas em um mercado competitivo. Isto se deve ao aumento da quantidade de bens produzidos e consumidos, assim como o comércio mundial.

Hoje em dia, com a globalização da economia, o conhecimento da logística é de fundamental importância para as empresas.

Conceito de Logística

Logística,  se entende um conjunto de métodos e ferramentas que permite organizar o serviço de distribuição de bens seja matéria prima ou produto final. No entanto, a logística tem um papel importante e decisivo na participação em diversos campos e empresas, como a área militar, as industrias, o comércio, entre outros.

Porque, por exemplo, no comércio, as atividades logísticas são a ponte entre a produção e a entrega do produto acabado sendo separados pelo tempo e a distância. Ou, como no caso das industrias que, nesta área, a logística, que é a principal responsável pela gestão e/ou planejamento das atividades relacionadas com os departamentos que a integram, tais como compras, transporte, produção, armazenamento, manutenção e divulgação, entre outros.

Há algum tempo, era quase impossível pensar em consumir um produto que não fosse fabricado em lugar, relativamente perto de onde vivemos, os custos e a manutenção deste produto, quando se trata de produtos alimentares, não seria possível consumir na Argentina se o produto fosse fabricado na França, no entanto, quando o sistema logístico começou a se desenvolver e melhorar, o consumo e a produção podem dividir-se sem problemas.

As instâncias da logística empresarial,tem como missão, a entrega dos produtos local certo no momento certo e nas condições certas para contribuir para o sucesso da marca ou empresa. No entanto, para alcançar esse objetivo, se mobilizam vários recursos que são necessários como: as pessoas, os materiais, a energia elétrica, será necessário, para a execução dos serviços (armazém, entregas) e serviços (transporte, armazenamento).

Em todas as áreas da logística podem-se distinguir duas lados principais. Um lado, otimiza o fluxo constante de material na rede de transporte e os centros de armazenamento e o outro lado, se encarregará de coordenar a seqüência de recursos para a execução de um determinado projeto.

Entre os principais males da logística temos que buscar: evitar a escassez de produtos, minimizar ou reduzir os custos de frete, entregar o  produto em um tempo mínimo, ou possuir uma quantidade mínima de bens no estoque.

O conceito de logística tem muitos significados, um dos principais é o fato de que a logística é responsável pela distribuição eficiente dos produtos da empresa com baixo custo e excelência no serviço ao cliente.

Assim, a logística, a busca gerir estrategicamente a aquisição, manipulação, armazenagem de produtos e gestão de armazéns, e todos os fluxos de informação relacionados, através dos quais se dirigem a organização e o canal de distribuição, para que a lucratividade presente e futura da empresa, seja a máxima, em termos de custos e eficiência.

A logística determina e coordena para que o produto certo,  cheque para o cliente certo, no lugar certo e no momento certo, para a execução do serviço. Assumindo que a função do marketing é promover a demanda, o papel da logística será justamente para atender esta demanda.

Só uma análise detalhada da demanda, do ponto de vista da localização, o nível e o tempo pode-se determinar o ponto de partida para alcançar o resultado final (logística, contabilidade da demanda de encomendas de bens ou serviços), do ponto de vista do custo e da eficiência. A logística não é portanto, a atividade funcional, mas o modelo, não sendo uma função da atividade principal, mas o mecanismo de planejamento, a forma de pensar, que também reduz a incerteza em um futuro desconhecido.

A função de logística operacional inclui todas as atividades e processos necessários para a gestão estratégica do fluxo e armazenamento de matérias-primas e o inventário de componentes de processos e produtos acabados, para que estejam na quantidade certa, no lugar certo e no momento certo.
As principais atividades no campo da logística são:

  • Atender bem o cliente
  • Transporte.
  • Gestão de estoque.
  • Gestão de pedidos

Todas estas atividades permitirão alcançar a satisfação do cliente e da empresa, reduzindo custos, que é um dos fatores que forçam as empresas a centrar-se na logística.

No âmbito da logística, a cadeia de fornecimento é entendida como o complexo de trocas ou fluxos de materiais e informações que são instalados dentro de cada organização ou empresa, bem como fora dela, com seus fornecedores e clientes.

Mas há diferença de conhecimento entre a cadeia de abastecimento (também conhecida como Supply Chain) e a “logística”, na prática diária, esta diferença foi perdida e, por isso, é comumente utilizado estes dois termos.